APRENDENDO SOBRE ECONOMIA DOMÉSTICA

Escrito por Diretoria de Comunicação Ligado . Publicado em Ação Social

Economia doméstica, sem dúvida, é um tema que afeta sobremaneira as famílias brasileiras, e não é diferente nas mais diversas comunidades de Poço Fundo. Com o intuito de repassar conhecimento sobre este assunto, uma parceria da Secretaria de Ação Social, do CRAS e do CESEP (Centro Superior de Ensino e Pesquisa de Machado) foi a responsável por uma palestra, realizada no último dia 18 (sábado), no Salão de Eventos da faculdade.

Participaram do evento membros dos grupos de serviço de convivência e fortalecimento de vínculos do CRAS, do Canto dos Gonçalves, Paiolinho e da oficina de artesanato.

A abertura, claro, foi feita pelo secretário de Ação Social, Jander Souza, que também é aluno do Sexto Período de Ciências Contábeis do CESEP, e os ensinamentos ao público presente ficaram por conta do professor Saulo Alves Brigagão.

Além do aprendizado, os convidados também tiveram momentos de puro relax, com música instrumental, a cargo de Douglas Oliveira, de Campestre (piano)  e Douglas Ribeiro, de Alfenas (violino), uma confraternização com lanches e doces mineiros e, como mimo, até presente para a coordenadora do Curso de Ciências Contábeis, Elza Benedita de Souza Prado, que ganhou um arranjo de flores confeccionado pela oficina de artesanato. 

TAEKWONDO DO CRAS NO CAMINHO CERTO

Escrito por Diretoria de Comunicação Ligado . Publicado em Ação Social

A equipe formada pela oficina do Professor Henrique Oliveiros, em atuação no CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) de Poço Fundo, participou, neste último domingo (19), do VI Circuito Mineiro de Taekwondo, em São Lourenço. E alguns de seus valorosos lutadores voltaram para casa carregados de medalhas e de orgulho. Foram cinco medalhas de ouro e duas de prata.

A participação no torneio, claro, não tinha como primeira intenção a competição em si, e sim promover a integração, o fortalecimento de vínculos, o conhecer novas pessoas. No entanto, os resultados também mostram o envolvimento de professor e alunos com o aprendizado e o treinamento desta arte marcial olímpica, na qual o Brasil sempre contou com grandes representantes.

Se estas ferinhas irão um dia tornarem-se olímpicas, não sabemos. O mais importante para o CRAS e para o Professor Oliveiros é que todos, com medalhas de competições ou não, sejam vencedores na vida.

Confira quais foram os atletas que subiram ao pódio. Os nomes estão na mesma sequência das fotos (acima e abaixo):

1 - Lucas Dias Pereira, durante sua luta (foto acima de azul/ medalha ouro)

Abaixo:

2 - Rikelmy Fagner Correia Azarias (medalha ouro)

3 - José Lucas da Silva Garcia (ao meio/ medalha ouro) e, à sua direita, Alef Guilherme Correia Azarias (medalha de prata)

4 - Carlos Eduardo da Silva Garcia (medalha ouro)

5 - Isadora Maria de Paiva (medalha prata)

 

DEFININDO OS RUMOS DA ASSISTÊNCIA SOCIAL EM POÇO FUNDO

Escrito por Diretoria de Comunicação Ligado . Publicado em Ação Social

Na última quinta-feira (22), o Centro de Pastoral Monsenhor Afonsinho foi a referência para quem se dispôs a participar das escolhas das propostas de ações que visam melhorar cada vez mais os trabalhos de Assistência Social em Poço Fundo. Com presença de mais de 70 pessoas, aconteceu a IX Conferência Municipal de Assistência Social.

Na Mesa de Cerimônia estavam o Prefeito Renato Oliveira, o Secrertário de Ação Social Jander Souza e a Presidente do Conselho Municipal de Assistência Social Ana Flávia Dias. Também prestigiaram este momento democrático o Secretário de Desenvolvimento Humano Thiago dos Santos e a Secretária da Educação Leida Beatriz Araújo, com diretores e outros convidados.

A assessoria do evento ficou por conta da Assistente Social Valdine Alves, que já atuou no município mas hoje é vereadora e Presidente da Câmara de São João da Mata. Ela conduziu uma palestra com o tema da Conferência, "Garantia dos Direitos no Fortalecimento do SUAS (Sistema Ùnico de Assistência Social)", e depois fez o direcionamento para os trabalhos de grupo. Nas reuniões, um conjunto de propostas foi definido, tendo como principais sugestões a criação de um grupo para trabalhar perspectivas relacionadas ao futuro de adolescentes usuários, capacitação técnica e profissionalizante,ofertar cursos de capacitação para os conselheiros da assistência social, melhorar a comunicação nos meios de comunicação para divulgar os direitos sócio assistenciais (com foco na população em vulnerabilidade social),realizar palestras e informações a população sobre como funciona o cadastro único e quais benefícios vinculados, reuniões trimestrais sobre o PBF, buscar equidade para garantir direito proporcional ao valor do piso mineiro de acordo com o número de habitantes de cada município, estabelecer um repasse obrigatório do orçamento anual do estado ao serviço social (atendendo a demanda de atividades executadas pelo setor).

Depois das discussões, os delegados escolheram quem representará o município na Conferência Estadual, que ainda não tem data marcada mas ocorrerá em breve. Os responsáveis por levar as propostas para esta outra esfera serão Renata Santos Magalhães e Isabela Cássia de Oliveira, representando o setor governamental, e Marcela Resck com Mônica Biazim, pela sociedade civil.

Confira abaixo algumas imagens deste importante momento.